Visual merchandising é um conjunto de técnicas utilizadas para estimular a entrada de clientes na loja e aumentar as vendas.

Em nosso trajeto para o trabalho, para a universidade ou para casa, passamos por diversos estabelecimentos. Mesmo em nosso horário de intervalo, por exemplo, ao visitar um shopping, temos contato com diversas lojas. 

Algumas nos chamam a atenção, outras nem tanto. Por vezes, mesmo sem saber bem o porquê, nos sentimos estimulados a entrar no estabelecimento. Saiba que isso também ocorre com seus clientes e existem maneiras de estimular as pessoas a entrarem na sua loja.

Como utilizar situações como essa para gerar mais vendas e atrair mais consumidores para o seu varejo? Uma das opções é investir em visual merchandising. Confira, a seguir, o que é essa técnica e como ela pode ajudar a aumentar as vendas de sua loja!

O que é visual merchandising

O visual merchandising diz respeito a todas as formas de exposição dos produtos em seu ponto de vendas. O objetivo é apresentá-los de modo atrativo aos seus clientes, gerando uma experiência de compra positiva. Tudo isso é realizado de modo transdisciplinar, aliando conceitos de arquitetura, marketing, design e vendas para tornar o ambiente de seu estabelecimento mais atraente e preparado para receber seu cliente.

Essa técnica está embasada, sobretudo, no sentido mais demandado em um primeiro contato do cliente com uma loja: a visão. Sabe-se que 70% de nossos receptores sensoriais estão em nossos olhos. Nosso cérebro processa 60.000 vezes mais rápido elementos visuais do que os textuais, por exemplo. 

Assim, para atrair mais clientes e aumentar as vendas do seu varejo, é preciso investir em apelos visuais que atraiam o olhar e a atenção de quem estará passando pela frente de sua loja e para que, quem entrou no estabelecimento, sinta-se confortável e estimulado a interagir com sua marca.

Como o visual merchandising pode aumentar as vendas

O visual merchandising está diretamente relacionado à conquista e fidelização de clientes. De acordo com pesquisa do Sebrae, lojas que investem em visual merchandising podem aumentar suas vendas em até 40%.

Além disso, essa técnica ajuda o cliente a criar uma identidade e diferenciar a sua loja das concorrentes, fazendo com que seu varejo seja mais facilmente lembrado e recomendado por ele para sua rede de contatos.

Outra vantagem que o visual merchandising traz está relacionada à experiência de seu cliente no ponto de vendas. Uma loja bem sinalizada, com produtos organizados de modo atrativo, facilita a experiência de compra de seu cliente. Assim, ele conseguirá encontrar sem maiores dificuldades o produto que busca e ainda ser atraído por outros itens ou áreas de sua loja que estão expostos de modo atraente para ele.

Um estudo aponta que 90% das pessoas que fazem compras com frequência realizam compras por impulso e que 20% da conta de supermercado, por exemplo, diz respeito a itens adquiridos dessa maneira. Assim, quando realizado um bom visual merchandising, seu ponto de vendas funciona como um ‘vendedor extra’, que apresentará ao cliente produtos que despertem seu interesse e o conduzam à compra.

eBook: Guia de merchandising para varejo

Dicas para o visual merchandising ajudar a aumentar as vendas da sua loja

1. Faça um planograma da sua loja

O planograma é uma representação visual da localização de seus produtos nas gôndolas e prateleiras. Seu objetivo é fazer com que o lojista tenha uma visão completa de seu mix de produtos. Isso ajuda a definir com mais sabedoria a localização de cada item, a fim de gerar mais vendas.

O planograma também favorece que seu cliente perceba e identifique uma lógica na organização da sua loja, levando-o a encontrar com mais rapidez e velocidade os itens desejados – para isso, uma dica é deixar produtos complementares próximos (por exemplo, pasta de dentes e escova de dentes). Essa prática simples além de ajudar seu cliente pode gerar um incremento nas vendas por meio de cross selling (venda de produtos complementares).

Outra dica é identificar no seu planograma os pontos quentes e frios de seu estabelecimento. Os pontos quentes, geralmente, estão localizados junto ao caixa, por exemplo; esses são espaços nobres que geram mais venda. Já os pontos frios são os locais em que as vendas estão mais enfraquecidas (em prateleiras muito altas, por exemplo).

Para estimular as vendas nos pontos frios, uma saída é expor ali os produtos que são naturalmente mais procurados. Já os pontos quentes podem ser utilizados para colocar os produtos de campanhas promocionais ou que precisam aumentar seu giro, por exemplo.

2. Crie um ambiente aconchegante

O visual merchandising deve ajudá-lo a aumentar as vendas por meio da oferta de uma experiência positiva para seu cliente. Assim, itens como iluminação e limpeza são fundamentais e já são esperados por seu cliente.

Agora, quando, ao chegar em seu PDV, ele encontra um ambiente com sonorização adequada, disposição atrativa de produtos, climatização funcionando e, claro, vendedores em ação (nada pior do que, ao aproximar-se da loja, ver uma fila de vendedores parados esperando para abordá-lo, certo?), você criará um ambiente aconchegante em que seu cliente tem vontade de entrar e de permanecer interagindo com seu negócio.

3. Leve em conta a sazonalidade

A sazonalidade é um fator que deve ser levado em consideração na hora de planejar o visual merchandising de sua loja. Em épocas como o Natal, ter uma decoração festiva e uma vitrine temática podem ser recursos muito atrativos para captar clientes para seu varejo.

4. Lembre-se: todos os detalhes importam!

Fazer visual merchandising não é apenas investir em uma vitrine bonita ou em repor produtos nas prateleiras e gôndolas. Ele deve estar presente em todos os pontos de contato com seu cliente!

Na parte externa, a aparência da fachada, os letreiros e materiais de divulgação e a iluminação e asseio do local devem ser avaliados.

Já na parte interna, sua entrada, provadores, corredores e espaços para circulação, piso, paredes, exposição dos produtos, uniforme de sua equipe, cores do ambiente, mobiliário… tudo comunica e pode ajudar ou dificultar suas vendas!


Conclusão

Uma pesquisa apontou que, entre os países participantes, o Brasil é a nação em que o ponto de vendas ocupa maior importância no processo de decisão de compras do cliente. Por isso, planejar seu PDV utilizando técnicas de visual merchandising ajuda sua loja a vender mais. Isso porque essas técnicas possuem o poder de atrair mais clientes. Além disso, um bom visual merchandising também gera compras por impulso e melhora a experiência de seu cliente.

Continue aprendendo sobre o tema e turbine sua loja. Baixe gratuitamente nosso Guia de Merchandising para Varejo!